domingo, 1 de junho de 2008

Adeus ...

Yves Saint Laurent, um dos grandes gênios da moda do século XX, faleceu nesta noite do domingo em Paris, informou a Fundação Pierre Bergé-Saint Laurent, depois de ser hospitalizado em várias ocasiões.

Saint Laurent deu o "poder" às mulheres, criando "um vestuário contemporâneo", com peças masculinas como o traje alfaiate com calça e seu célebre fraque, criado em 1966.

Nascido no dia 1 de agosto de 1936 em Oran (Argélia), Yves-Mathieu Saint-Laurent chegou com 17 anos a Paris, onde começou traçando desenhos com os quais chamou a atenção de Christian Dior (1954), do quem foi discípulo e seu sucessor depois de sua inesperada morte em 1957.

Seu primeiro desfile, realizado em 1958, foi todo um sucesso para o jovem diretor artístico, que apresentava sua coleção "Trapézios", que rompeu com as cinturas de vespa, muito populares naquela época.

Em 1960, Saint Laurent se associou com Pierre Bergé para formar sua própria marca. Juntos, o criador e o administrador, levantaram um império do luxo. O empório Yves Saint Laurent foi comprado em 1993 pelo grupo industrial Elf-Sanofi, o que seria o princípio de seu fim.

Este príncipe da moda, cujo arte descansava na sua audácia, disse tchau à alta costura em 2002, após 40 anos de criação palpitante, porque "já não se reconhecia nesta profissão" e estava esgotado de ter que fazer acrobacias financeiras.

Aqui deixo o link com uma espetacular exposição, em la Coruña, que mostrava o diálogo entre Saint Laurent e a arte. Aqui, em uma visita a España, seu sócio, fez umas declarações muito interessantes sobre o futuro da moda. E abaixo, um desfile deste gênio em 1962!Adios...

Um comentário:

Carol Fernandes - São Paulo disse...

Passei o dia pensando sobre ele, vc sabe...
Uma alma atormentada mas um artista único.
Adoro, será eterno.