terça-feira, 1 de março de 2011

Casa Canadá

Uma das coisas mais legais que fiz na minha viagem a Rio de Janeiro foi visitar a exposição sobre a Casa Canadá no Arte Sesc. Ela durou pouquinho, somemnte um mês. Mas eu guardei muuuito material para postar aqui no Cajon. Pra quem não conhece (Cóóóóóómo?¿), pode escutar a guia no vídeo, mas eu já adianto.
Você vai precisar de tempo para disfrutar este post!


A Casa Canadá foi a  primeira maison de luxo que vestiu a elite carioca com Elsa Schiaparelli,  Christian Dior ou Coco Chanel.
Fundada nos anos 40 por Jacob Feliks e dirigida pelas irmãs Mena Fiala e Cândida Gluzman, a Casa Canadá começou como uma loja de peças importadas e  trazia ao Brasil  desde Balenciagas a  Jacques Faith. Com o passar dos anos e por causa dos impostos as irmãs passaram a criar coleções próprias, a  Canadá de Luxe.
Os desfiles de lançamento de coleção eram verdadeiros “eventos”, repletos de socialites de todo país.
A loja fechou no fim dos anos 60 e teve clientes ilustres como Juscelino Kubitschek. O vestido usado por D. Sarah no Baile de Posse em 1956 é a única peça textil presente na exposição.



cadernos de anotação de Mena Fiala

Sala com vídeos e depoimentos das modelos da Casa Canadá!

Olha a Carol vendo e ouvindo a Ilha Soares. Gostou? Confere o vídeo abaixo.

Casa Canada- Georgia Quental from mi cajon on Vimeo.

Casa Canada - Helga Franceschi from mi cajon on Vimeo.

casa canada - Ilka Soares from mi cajon on Vimeo.

Salão de entrada da exposição
 Mestres do Presente...

...Mestres do Passado.
 

Linha do tempo com acontecimentos contemporâneos a Casa Canadá.

Jóias de Burle Max para Casa Canadá
 

Única peça têxtil, um vestido de Sara Kubitschek
 

 Gostaram?
Saiba mais no vídeo abaixo.
Casa Canadá- O nascimento from mi cajon on Vimeo.

3 comentários:

paz disse...

qué bonito¡¡¡
Un abrazo.Paz
elbauldepaz.blogspot.com

Zepequeña disse...

Que pasada de exposicion!

Zepequeña.

Cláudia Piccoli disse...

Linda exposição! Viuma repostagem sobre a Casa canada, acho que foi na Vogue de janeiro ou fevereiro. Achei incrível a organização da exposição! Pena que não há coisas assim aqui pelo sul =(
Parabéns pelo blog!
Abraços!